» »Unlabelled » EL FESTEJO DE LA FRATER. MORENADA " BOLIVIA CENTRAL "


Morenada Central festeja a divindade 

Virgem de Copacabana

Por: Angelina Miranda


No sábado (15) por volta das 12h30 começou a missa celebrada pelo padre Mário Geremia, na igreja Nossa Senhora da Paz no centro de São Paulo em comemoração a padroeira da Bolívia , a Virgem de Copacabana.

Mesmo numa tarde nublada a comunidade boliviana compareceu a missa, retribuindo as graças concedidas pela virgem.

A igreja ampla e espaçosa pôde receber muitos fiéis da comunidade boliviana, brasileiros e até de outras nacionalidades como peruanos e paraguaios. Que de uma forma ou de outra se sentiram mais aproximados de sua cultura.

Vestidos de muita fé os mais velhos, até as pequenas crianças que hora prestavam atenção a missa, hora corriam brincando pela igreja.

No final da celebração religiosa  os organizadores da nova gestão 2011 os Wiñay Marka da Fraternidade Morenada Bolívia Central, foram ao altar abençoar e serem abençoados pela oração da Virgem de Copacabana.

Em seguida seguiram os organizadores seguiram em cortejo pelo pátio da igreja ao som da animada banda Super Central, carregando a Virgem de Copacabana numa redoma de vidro.

Com muita música e dança a festa seguiu pela tarde de domingo que marcava mais uma data importante repleta de cultura , alegrando e emocionando o público.

Como a boliviana dona Ema de 73 anos, há mais de cinqüenta em São Paulo “ Meu pais é muito rico culturalmente, em celebrações como essas me sinto em casa, isso representa muito para mim“ comenta emocionada.

No decorrer da celebração era distribuído ao público salteñas, refrigerante e cerveja.

As mulheres da Morenada Bolívia Central, chamavam a atenção com suas Polheras, cada grupo com sua cor. Dançavam alegremente e assim seguiram até tarde da noite.


A festa


No começo da noite começaram a chegar os convidados, no espaço do clube regatas Tietê.

Depois da celebração religiosa a festa seguiu para o clube onde se apresentaram os grupos Los Duques, Sajama Fusion, Super Central, Murillo e o grupo internacional Los Ronich.

A mesa central próxima ao palco representava a fartura que os organizadores conquistaram com trabalho, e com a benção da Santa.

Muitas frutas de várias espécies decoravam a mesa dando um colorido, que contrastava com as cores dos bolos confeitados, enquanto as mesas forradas com toalhas azuis e amarelas completava o tom alegra típico da comunidade boliviana .



Si Te Gusto Compártelo Con Tus Amigos


Autor: Jaime Mamani Mendoza

Bienvenidos(as), Mi Nombre es Jaime Mamani Mendoza, Nacido en La Paz Bolivia, Autor de varios Blog, voy camino Hacia mi Libertad Financiera, en mi Blog encontraras Informacion de Finanzas Personales, Educacion Financiera, Inversiones, Negocios por Internet y Otros.
«
Next
Entrada más reciente
»
Previous
Entrada antigua

No hay comentarios:

Leave a Reply

Por Favor Deje su comentario, duda o consulta....